Sem blindagem para a ciência

Depois que finalizou o mestrado em história, Thaís Macena esperava continuar seus estudos sobre estereótipos indígenas no doutorado. Ela passou meses preparando o projeto de pesquisa para regressar ao programa de pós-graduação (PPG) na Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos). Em julho, no entanto, a pesquisadora de São Leopoldo (RS) recebeu a informação devastadora: o processo seletivo que a instituição gaúcha havia aberto acabara de ser cancelado. Os PPGs de história e outras onze disciplinas tinham fechado. Macena não soube da notícia pela universidade, mas por sua orientadora. “Em nenhum momento imaginei que o curso poderia fechar. Eu estava confiante em relação à pesquisa e à possibilidade de conseguir uma bolsa”, diz a jovem de 28 anos.

A Unisinos se comprometeu a devolver em um mês os 35 reais que Macena pagou pela inscrição no doutorado. Não lhe deu, porém, maiores explicações sobre o fim do curso. Depois

Continue lendo na Revista Piauí.