Hackers e Bolsonaro atacam Manifesto pela Democracia

O site que abriga o manifesto pela democracia organizado pela Faculdade de Direito da USP sofreu mais de 1.500 ataques hackers nos últimos dias, revela Mônica Bergamo. Os criminosos tentam derrubar a página ou usam nomes falsos e xingamentos para tentar tumultuar a listagem. O documento já conta com mais de 100 mil assinaturas, incluindo os banqueiros Roberto Setubal e Pedro Moreira Salles, 11 ex-ministros do STF, economistas, juristas e personalidades da sociedade civil. Entidades empresariais, como a…

Continue lendo no Canal Meio.