Nada será eterno

Parece que Dante tinha uma máquina do tempo, veio ao futuro, passou um fim de semana no Brasil. Viu tanto descalabro em um turbilhão de irregularidades misto de falta de educação, cidadania e fiscalização. Leu os jornais do dia, ficou tão escandalizado que resolveu compor a “Divina Comédia”

Veja mais de Carlos Monteiro

Continue lendo no Os Divergentes.