Com as mortes Bruno e Dom, perdem a democracia e a imprensa, diz TSE

Na nota em que lamentou as mortes do indigenista Bruno da Cunha Araújo Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) afirmou que, além dos familiares, “perde a democracia, a imprensa, perdem todos”

Veja mais de Ivanir José Bortot

Continue lendo no Os Divergentes.