Omissão do governo tirou R$ 117 milhões de multas ambientais dos cofres do Mato Grosso

“S“Se você desmatar ilegalmente, vai pagar caro, porque a gente vigia e combate bem de perto”, diz o locutor do comercial de 30 segundos veiculado na TV aberta do Mato Grosso. É uma peça publicitária do governo comandado por Mauro Mendes, do União Brasil, que promete tolerância zero com o desmatamento ilegal e garante que crimes do tipo são vigiados por satélites em tempo real.

Promessas idênticas estão também em outdoors espalhados nas ruas da capital Cuiabá e nos municípios com os maiores índices de desmatamento ilegal, de acordo com a Secretaria de Estado de Comunicação, a Secom. A pasta não quis revelar quanto gastou na campanha. Os Ministérios Públicos Federal, o MPF, e Estadual, o MPE, são parceiros na divulgação.

As propagandas são parte de um programa estadual de combate a incêndios florestais e ao desmatamento ilegal. Segundo

Continue lendo no The Intercept.