Bolsonaro e a ‘mão amarela’ do golpismo

Nos tempos de criança, havia a brincadeira de estar “com a mão amarela”, o que “entregava” logo o autor da fedorenta proeza, quando ele imediatamente estendia a mão dizendo “não fui eu”. Na sua live de hoje, Jair Bolsonaro saiu-se do mesmo jeito, ao reagir à declaração de Edson Fachin de que são as “forças […]

O post Bolsonaro e a ‘mão amarela’ do golpismo apareceu primeiro em TIJOLAÇO.

Continue lendo no Tijolaço.