Relatório da CPI da Pandemia será apresentado no Tribunal de Haia, anuncia Randolfe

Nesta quarta-feira, 24, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) anunciou que o relatório final da CPI da Pandemia será apresentado ao Tribunal Penal Internacional (TPI) em Haia, na Holanda.

A comissão aponta Jair Bolsonaro e outras 10 pessoas como praticantes dos crimes contra a humanidade durante a gestão da pandemia da Covid-19 no Brasil.

ATENÇÃO! Acabamos de receber resposta da procuradoria do Tribunal Penal Internacional, que fica em Haia. O Tribunal confirmou que nos receberá para que possamos apresentar o relatório com os resultados da CPI da Pandemia.

— Randolfe Rodrigues (@randolfeap) November 24, 2021

Vale lembrar que os crimes enquadrados a Bolsonaro são: crime de epidemia com resultado de morte (até 30 anos de prisão); infração de medidas sanitárias preventivas (até 1 ano de prisão); charlatanismo (até 1 ano de prisão); incitação ao crime (até 6 meses de prisão); falsificação de documento (até 5 anos de prisão); emprego irregular de


Continue lendo no O Cafezinho.