Lira e Pacheco lutam contra transparência em verbas

Os presidentes da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) e do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), estão se movimentando para evitar a divulgação da lista de parlamentares beneficiados em 2020 e 2021 por emendas do relator, o chamado orçamento secreto, e seus valores. Embora a medida tenha sido determinada pelo STF, eles argumentam ser inviável, pois a lei não previa esse nível de transparência. Nos bastidores, há o temor que essa divulgação provoque uma crise na base, com deputados e senadores descobrindo…


Continue lendo no Canal Meio.