Nos EUA, rede de saúde de direita ganha milhões com kit covid de hidroxicloroquina e ivermectina

Uma rede de profissionais de saúde embolsou milhões de dólares com consultas online e vendas de hidroxicloroquina e ivermectina, de acordo com dados vazados enviados ao Intercept. Os dados mostram que vultosas somas estão sendo extraídas de pessoas preocupadas ou infectadas com a covid-19, mas que resistem às vacinas ou às demais recomendações das autoridades de saúde pública.

O grupo de direita America’s Frontline Doctors (“Médicos na Linha de Frente da América”) foi criado no ano passado para promover médicos pró-Trump durante a pandemia do coronavírus. Eles estão atuando em conjunto com uma pequena rede de empresas de saúde para semear a desconfiança em relação à vacina contra a covid-19, ludibriar milhares de pessoas com tratamentos ineficazes para a doença, e então vender consultas e milhões de dólares desses remédios. Os dados mostram que os pacientes gastaram pelo menos 15 milhões de dólares – e possivelmente muito mais – entre consultas

Continue lendo no The Intercept.