DEM e PSL juntos: nasce um partido gigante de direita

Está agora nas mãos do TSE a criação do maior partido político no Congresso Nacional. O DEM e o PSL aprovaram ontem sua fusão e a criação do União Brasil, que deverá ter o número 44. Além de uma superbancada com 82 deputados — 29 a mais que os 53 do PT, segunda força na Câmara — e oito senadores, a nova legenda deve ter um peso imenso nas eleições estaduais, com pelo menos 12 nomes disputando governos como cabeças de chapa. A estimativa dos dirigentes da legenda é de que o TSE…


Continue lendo no Canal Meio.