Trinta e quatro offshores para cada virgem

Duas em cada três das 29 mil offshores cujas caixas pretas contábeis foram abertas pelos Pandora Papers ficam nas paradisíacas Ilhas Virgens Britânicas (BVI). Mas essa é só uma parte, e bem pequena, delas. Há 370 mil offshores ativas nas Ilhas Virgens. 370 mil offshores significam 370 mil escritórios, certo? 370 mil salas com 370 mil aparelhos de ar condicionado, 370 mil secretárias e 370 mil cafeteiras? E se todas as secretárias de offshores esfriassem o ar e fizessem café ao mesmo tempo, o que aconteceria na pequena Road Town, capital das BVI? Um blecaute. 

window.uolads && window.uolads.push({ id: “banner-300×250-area” });

Para sorte dos 24 mil virginenses que moram nas tortuosas ruas e estradas que serpenteiam pelas montanhas e praias de Tortola, ilha onde fica Road Town, essas 370 mil empresas não existem de verdade. Nem de fachada são porque nem fachada têm. São apenas nomes

Continue lendo na Revista Piauí.