Confiança nas notícias e percepções sobre jornalismo: os que menos confiam não necessariamente são hostis, mas indiferentes

Foto: wirestock

Um dos principais desafios para o jornalismo no que concerne à construção de confiança nas notícias não é hostilidade, mas indiferença. Este é um dos achados centrais do relatório “Overcoming indifference: What attitudes toward news tell us about building trust”, publicado pelo Reuters Institute for the Study of Journalism. Os resultados apontam que os cidadãos que não confiam nas notícias não necessariamente são os que mais expressam críticas à cobertura noticiosa. Na realidade, eles tendem ter menos conhecimento e interesse sobre a prática jornalística. Em geral, eles detêm menos opiniões a respeito do jornalismo e são menos propensos a dizer que se importam sobre como as notícias funcionam.

A pesquisa quantitativa é parte do Trust in News Project e baseia-se em surveys realizados no Brasil, Índia, Estados Unidos

Continue lendo no Observatório da Imprensa.