Entenda o recuo tático de Bolsonaro

Foto: Paulo Jacob/Agência O Globo/Reprodução

O que levou Jair Bolsonaro a escrever a carta em que se compromete a seguir as regras do jogo democrático, deixando alguns de seus incendiários — inclusive a facção burra que se disfarça de imprensa — enlouquecidos? Uma nota: os verdadeiramente espertalhões, entre esses, sugerem que se trata apenas de um recuo tático e que o “Mito” guarda uma carta na manga para virar a mesa. Em um aspecto, ao menos, esse segundo grupo de canalhas tem razão: eu também não acredito na conversão de Bolsonaro. Afinal, em dois dias, ogro não vira príncipe. Só no filme do Shrek. Na live Al Qaeda/Zorra Total de ontem, horas depois da divulgação da carta, já se entregou a toda sorte de pusilanimidades.

Mas voltemos à questão que abre este artigo. O que moveu a mão de Bolsonaro a escrever aquela carta em que mete vírgula entre sujeito

Continue lendo no Blog da Cidadania.