Brasil é primeiro país do mundo a proibir redes de moderar conteúdos

Foto: Reprodução

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, está temporariamente proibindo as empresas de redes sociais de remover certos conteúdos, incluindo suas afirmações de que a única maneira de ele perder as eleições no ano que vem é se a votação for fraudada —uma das medidas mais importantes de um líder eleito democraticamente de controlar o que pode ser dito na internet.

As novas regras das redes sociais, emitidas nesta semana, e com efeito imediato, parecem ser a primeira vez que um governo nacional impede as companhias de internet de derrubar conteúdo que viole suas regras, segundo especialistas em direito da internet e autoridades de companhias tecnológicas. E elas chegam em um momento precário para o Brasil.

Bolsonaro usou as redes sociais como megafone para construir seu movimento político e chegar à Presidência. Agora, com as pesquisas mostrando que ele perderia a eleição se fosse realizada hoje, ele está usando

Continue lendo no Blog da Cidadania.