Ameaça de apagão, inflação e crise política: o campo minado para a retomada econômica do Brasil

A economia brasileira se recupera do tombo de 2020 com a pandemia de covid-19 e registra um crescimento de 12,4% neste trimestre, em comparação ao mesmo período de 2020, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Mas os dados divulgados nesta quarta revelaram um desempenho pífio no segundo trimestre, com um recuo de 0,1% da atividade econômica entre abril e junho em comparação o trimestre anterior. A expectativa é fechar este ano com um PIB na casa de 5%, mas de 1,5% a 2% no ano que vem, muito baixo para recuperar as perdas durante a crise da covid-19.

Seguir leyendo

Continue lendo no EL PAÍS Brasil.