Mourão diz que “é lógico” que haverá eleição com ou sem voto impresso

Foto: Romério Cunha/Vice-Presidência

O vice-presidente Hamilton Mourão afirmou nesta quinta-feira que é “lógico” que o Brasil terá eleições no ano que vem mesmo sem a aprovação do voto impresso, defendido pelo presidente Jair Bolsonaro. Mourão disse que o país não é uma “república de banana” e questionou quem iria “proibir eleição”.

Há duas semanas, Bolsonaro afirmou que não haverá eleição no ano que vem se a disputa não for “limpa”. O presidente não explicou o que ele considera uma eleição “limpa”, mas ele tem defendido uma mudança no sistema de votação, apesar de nunca ter apresentado nenhuma prova de fraude no modelo atual.

— É lógico que vai ter eleição (mesmo sem voto impresso), pô. Quem é que vai proibir eleição no Brasil? Por favor, gente. Nós não somos república de banana — disse Mourão, ao chegar no Palácio do Planalto no início da tarde.

O vice-presidente ressaltou, no entanto,

Continue lendo no Blog da Cidadania.