TCU dá 120 dias para governo explicar como vai 'corrigir' fiscalização do desmatamento na Amazônia

Segundo relatório dos técnicos, as falas de Jair Bolsonaro e do ex-ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles “têm prejudicado o exercício da fiscalização do Ibama e potencialmente incentivado o desmatamento na região”

Continue lendo no Brasil 247.