Reunião de Bacana: Bolsonaro renuncia e o Centrão assume o Brasil. Por Gilvandro Filho

Publicado originalmente em Jornalistas pela Democracia

Palácio do Planalto e o senador Ciro Nogueira (PP-PI) (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil | Edilson Rodrigues/Agência Senado)

O anúncio da ida do senador Ciro Nogueira (PP-PI) para a Casa Civil escancara uma verdade insofismável: o Brasil tem novo comando político e foi entregue, de mão beijada, o que de pior e mais fisiológico existe no cenário político. O Centrão, que já preside as duas casas legislativas e constitui a base política fisiológica do governo bolsonarista, é agora quem manda de fato no centro político do poder. E como tem quem mande e quem obedeça, o governo de direito passa a se curvar diante do governo de fato.

Jair Bolsonaro tem a popularidade mergulhada no abismo, a credibilidade descendo abaixo de zero, uma gestão em frangalhos e uma população entregue à pandemia, pobre e faminta. O desespero em que o presidente se encontra atesta

Continue lendo no Diário do Centro do Mundo.