Jovens e adultos, que há um ano respondiam por 30% das mortes de Covid-19 no Brasil, hoje respondem por 41%

Se no ano passado as mortes e internações por Covid-19 se concentravam na população idosa, com o avanço gradual da vacinação no Brasil, hoje elas atingem cada vez mais jovens. Em maio de 2020, a cada 100 brasileiros que morriam de Covid, 30 tinham menos de 60 anos de idade, segundo dados dos boletins do Ministério da Saúde. Exatamente um ano depois, em maio de 2021, essa proporção passou a ser de 41 a cada 100.

window.uolads && window.uolads.push({ id: “banner-300×250-area” });

A presença de pacientes jovens com quadros graves da doença aumentou. “Ter hoje um paciente acima de 70 anos na UTI é raríssimo. No último mês, quatro ou cinco pacientes abaixo de quarenta anos morreram na UTI”, conta o médico intensivista Daniel Joelsons em entrevista ao Estadão

Fonte: Ministério da Saúde

O post Jovens e adultos, que há um ano respondiam por 30%

Continue lendo na Revista Piauí.