Jornalismo na Argentina: entrevista com Miguel Ledhesma

Foto: arquivo pessoal

“Os jornalistas têm a liberdade de publicar sem restrições. Isso não significa que às vezes não surja algum ato de censura”.

Miguel Ledhesma é um jornalista argentino, formado em Jornalismo, com estudos técnicos em Turismo e mestrado em Educação. Entre suas publicações, algumas merecem destaque, como “Periodismo turístico: Muchos principios y algunos finales“, lançado em 2016.

Há dez anos, Ledhesma criou a Organização Mundial de Periodismo Turístico (World Travel Journalism Organization, WTJO). Atualmente ele mora em Buenos Aires, escreve sobre questões relacionadas ao turismo e leciona na WTJO. A seguir, uma entrevista com o profissional.

Enio Moraes Júnior – Como você avalia a formação de jornalistas na Argentina, considerando o que você tem visto tanto na sua como na atual geração de jornalistas?

Miguel Ledhesma – Na Argentina, temos a possibilidade

Continue lendo no Observatório da Imprensa.