Pós-Verdade e Covid-19: dois perigos ao jornalismo

Foto: Peakpx

É um desafio, cada vez maior, para nós jornalistas e pesquisadores afirmarmos o jornalismo como essencial, sobretudo em tempos de Pós-Verdade e Covid-19, quando muitos não escutam mais nossa voz. Talvez sejamos as únicas pessoas preocupadas e dispostas a discutir e fazer com o que o jornalismo retome sua importância e credibilidade, mesmo sem sermos ouvidos.

A pós-verdade vem sendo apontada por diversos pesquisadores, como um fator que intensifica a era da desinformação e potencializa a crise de credibilidade que o jornalismo enfrenta, justamente porque as pessoas diante da cultura da Pós-Verdade, somente leem e compartilham aquilo que elas se identificam — e muitas vezes, neste processo o jornalismo é deixado de lado.

Segundo o Dicionário Aurélio, deixado de lado é aquilo é esquecido e/ou abandonado. E é exatamente assim

Continue lendo no Observatório da Imprensa.