Risco de ser atingido por um raio é 13 vezes o de ter Covid depois de se vacinar

 

A possibilidade de uma pessoa ser atingida por um raio se estiver em uma área descampada, durante uma tempestade forte, é de 1 em 1 mil. Esse risco é treze vezes o de alguém ter Covid-19 após se vacinar. Dados norte-americanos indicam que o risco de uma pessoa vacinada com imunizantes da Pfizer, Moderna ou Johnson & Johnson ser infectada pelo coronavírus é de 1 em 13 mil.

window.uolads && window.uolads.push({ id: “banner-300×250-area” });

Grande parte das vacinas contra a Covid-19 disponíveis previne casos graves e mortes pela doença – mas ainda é possível contrair o vírus Sars-CoV-2 mesmo tendo sido vacinado, já que nenhum imunizante disponível atualmente tem eficácia de 100%. Por isso, a utilização da máscara e o distanciamento social precisam continuar sendo praticados. 

Fontes: INPE; CDC

O post Risco de ser atingido por um raio é 13 vezes o de ter

Continue lendo na Revista Piauí.