Lira, Pacheco e Aras são cúmplices do genocídio de Bolsonaro

Continue lendo no Kennedy Alencar.