Agora, quem tem Twitter tem medo

Dizer que o vídeo que motivou a prisão do deputado bolsonarista Daniel Silveira (PSL-RJ) traz “ofensas” e “ameaças” ao Supremo Tribunal Federal não traduz a gravidade de seu conteúdo. 

window.uolads && window.uolads.push({ id: “banner-300×250-area” });

Sem dúvida ele foi ofensivo ao chamar o STF de “Supreminha” (2:31); ao dizer que Fachin é um “comunista” (4:50) que tem “bilauzinho” (3:50) e “cara de filho da puta” (5:09); ao afirmar que nenhum dos atuais ministros, com a ressalva expressa de Fux (3:30), tem “conhecimento jurídico”, “caráter”, “escrúpulo” ou “moral” (7:54) para integrar o tribunal; e ao chamá-los de uma “bosta de gangue” (6:54) repleta de “ignóbeis” (2:54).

Sem dúvida foi também ameaçador ao revelar que imagina a todo instante os ministros “levando uma surra na rua” (5:20), uma “surra bem dada” (5:59), e que torce para que os “onze vagabundos” do tribunal estejam logo na prisão, endossando a fala

Continue lendo na Revista Piauí.