A guerra da informação no jornalismo local

Foto: Lula Marques/Fotos Públicas

O meio jornalístico é normalmente quase bucólico nas pequenas e médias cidades, mas muda rapidamente quando algum interesse local político, financeiro ou familiar é questionado. Quando isto acontece, a guerra é declarada e travada com uma intensidade que surpreende os profissionais das metrópoles, onde os conflitos provocados por informações divergentes são quase diários.

O jornalismo local é visto com um ar de contido desdém pelos profissionais dos grandes centros justo porque é considerado como uma atividade sem grandes emoções, quase burocrática, um empreendimento familiar. É uma impressão gerada pelo desconhecimento da realidade local, que possui dois níveis, um, superficial, geralmente tranquilo, e outro mais escondido, quase sempre dissimulado, onde lidar com notícia e informação é uma atividade de alto risco.

Por isto, a atividade jornalística em

Continue lendo no Observatório da Imprensa.