Foro de Teresina #137: Pós-Lava Jato, pré-Arenão

O Foro de Teresina comenta as movimentações políticas para 2022, o paraíso fiscal de brasileiros em Luxemburgo e a marcha lenta da vacinação no Brasil.

window.uolads && window.uolads.push({ id: “banner-300×250-area” });

Bloco 1: 2022 com cara de 2018
O racha entre Rodrigo Maia e ACM Neto e a tentativa precipitada de Doria tomar o poder no PSDB dão o tom do que pode rolar em 2022. Pela esquerda, o anúncio de Haddad como pré-candidato do PT não agradou muito. 

Thais: O movimento do PT e de Lula de lançar Haddad como candidato é mais simbólico do que efetivo. É uma estratégia para posicionar o partido no cenário em contraposição ao embate de Bolsonaro e Doria

Fernando: Em 2018, Bolsonaro entrou como outsider e venceu. Agora, ele tem uma articulação com o Centrão e vem atraindo essas pessoas para seus interesses e se fortaleceu. Essa aliança é instável

Continue lendo na Revista Piauí.