Quando nossa esquerda fala como Bolsonaro

Estávamos perto da reta da chegada das eleições norteamericanas. A CNN ia juntando, ao vivo, o total dos votos dos grandes eleitores para Trump e Biden, à medida que avançavam as apurações. Faltando ainda contar os votos em seis Estados, percebia-se, pouco a pouco, ir aumentando a vantagem de Biden e tornando impossível a Trump recuperar a diferença. Já se via a vitória de Biden, embora ainda faltassem as viradas ocorridas na apuração dos votos da Georgia e Pennsylvania.

Foi nesse momento que recebi pelo WhatsApp uma curta mensagem coletiva, de um conhecido grupo de esquerda, dizendo para ninguém se entusiasmar com a próxima vitória do Biden, porque (para não usar o linguajar chulo) tanto Biden quanto Trump eram farinha do mesmo saco. E a mensagem vinha seguido de um tweet #ForaBiden . No dia seguinte, num WhatsApp, alguém queria me explicar porque Biden e Trump eram a mesma m…

Continue lendo no Observatório da Imprensa.