Queda de Teich reforça imagem de pandemia fora de controle no Brasil

Com a queda de dois ministros da Saúde em menos de um mês, o governo Bolsonaro reforça a imagem internacional de que a pandemia está fora controle no país. O presidente Jair Bolsonaro dá mais uma prova de que não existe estratégia nacional de combate ao coronavírus. A saída de Nelson Teich ontem só escancara isso.

A permanência de Bolsonaro no poder impede a organização de uma resposta efetiva à covid-19, resultando em mais mortes e mais casos do que haveria se o presidente da República não fosse o maior obstáculo à saúde pública no Brasil.

Na prática, o país está sem Ministério da Saúde. É como ir a uma guerra sem generais. O Exército fica desorganizado, sem coordenação para enfrentar batalhas.

O Brasil está perdendo a guerra do coronavírus por causa do presidente Jair Bolsonaro. Ele é o principal responsável pelo agravamento da pandemia no Brasil, jogando o país

Continue lendo no Blog do Kennedy.