Marcelo Ramos desafia Bolsonaro a dizer que vetará fundo eleitoral

O 1º vice-presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Ramos (PL-AM), respondeu ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) neste domingo (18.jul.2021) desafiando-o a vetar o fundo eleitoral de R$ 5,7 bilhões na LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) aprovada na última semana pelo Congresso sob presidência de Ramos.

“Se depender do Bolsonaro ele não é responsável por nenhuma das mais de 530 mil pessoas mortas na pandemia, nem por 15 milhões de desempregados, nem por 19 milhões de brasileiros com fome e nem mesmo pela escandalosa tentativa de roubo na compra de vacinas. Ele deveria é dizer que vai vetar, mas vai tentar arrumar alguém para responsabilizar também, porque é típico dele e dos filhos correr das suas responsabilidades e obrigações”, disse em sua conta do Twitter.

.mod-newsletter.full .title, .mod-newsletter.full h1 {font-size:18px;text-transform:none;} input.submit{margin-top: 0.2px !important;} .mod-newsletter.full .title small, .mod-newsletter.full h1 small{font-size:16px;}.mod-newsletter .title, .mod-newsletter
h1{font-family:”Prelo”,sans-serif;}.mod-newsletter.full input[type=text]{font-size:14px;padding: 10px 7px;}.mod-newsletter.full input[type=submit] {padding:9px 0;margin-top:-21px}.mod-newsletter.full {margin:15px 10px; padding:20px 15px 15px;


Continue lendo no Poder 360.