Roubo de salários, mais rejeição: foi outro dia de cão para Bolsonaro

Continue lendo no Balaio do Kotscho.