Lola Aronovich: massacre de Saudades tem ligação com grupos terroristas?

Keli Adriane Aniecevski e Mirla Renner morreram uma escola infantil de Saudades (SC), após um ataque à faca nesta terça-feira (4) — Foto: Reprodução/Redes Sociais

Publicado originalmente no blog da autora:

Hoje por volta das 10 da manhã Saudades, uma pequena cidade de 10 mil habitantes no Oeste de Santa Catarina, acompanhou cenas de terror: um rapaz de 18 anos invadiu à escola-creche Aquarela, onde estudavam bebês de 6 meses a 2 anos de idade, e matou três deles e duas professoras.

As primeiras informações diziam que o assassino, Fabiano Kipper Mai, usava uma adaga e tinha 14 anos. Depois houve a correção de que ele tem 18 anos e usou um facão. Mas ainda há muitas notícias desencontradas. O rapaz tentou se matar após o massacre e foi levado em estado grave ao hospital, perguntando quantas vítimas tinha feito. Ainda há uma outra criança que foi atingida.

A primeira pessoa a ser esfaqueada foi

Continue lendo no Diário do Centro do Mundo.