Bolsonaro e empresários: pouca mudança a custo brutal. Guedes e teto ficam

Continue lendo no Reinaldo Azevedo.