Pior está por vir, mas colapso no inverno pode ser evitado, diz médico de universidade que prevê 100 mil mortes por covid no Brasil em abril

País ainda paga preço do relaxamento do fim de ano, e ‘correr contra o tempo’ na vacinação e melhorar as máscaras da população serão ainda mais cruciais agora, aponta médico da Universidade de Washington – que projeta, no pior cenário, quase 600 mil brasileiros mortos até julho.

Continue lendo na BBC Brasil.