Como um cientista na Amazônia se tornou alvo de perseguição e ameaças

O cientista Lucas Ferrante se tornou mundialmente conhecido por revelar ao mundo o desmonte das políticas ambientais do governo Bolsonaro. Ele publicou estudos que examinavam o tema nas maiores revistas científicas do mundo, como Science e Nature.

Com base nas investigações, o doutorando do Instituto de Pesquisas da Amazônia, o Inpa, municiou o Ministério Público Federal que moveu ações barrando projetos que destruiriam reservas indígenas e a grande parte da Amazônia. O grupo do qual Lucas faz parte também foi o primeiro a prever o descontrole da covid-19 em Manaus, epicentro da nova e mais virulenta cepa do coronavírus que se espalhou pelo mundo.

Sua exposição pública, porém, o tornou alvo de uma campanha de difamação que extrapolou as redes. Este vídeo retrata a perseguição de um cientista na Amazônia durante o governo Bolsonaro.

The post Como um cientista na Amazônia se tornou alvo de perseguição e ameaças appeared first

Continue lendo no The Intercept.