Em programação de carnaval, Globo oculta pontos polêmicos de desfiles históricos

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

Neste ano, devido a pandemia de Covid-19, não tivemos os tradicionais desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro e São Paulo. No entanto, a Rede Globo, detentora exclusiva dos direitos de transmissão desses eventos, exibiu, no último final de semana, uma programação especial com desfiles históricos das agremiações pertencentes às elites dos carnavais carioca e paulistano. A escolha dos sambas foi realizada por curadores especializados, ligas independentes e pelas próprias escolas.

“Alguns desfiles foram escolhidos por terem sambas-enredo inesquecíveis, daqueles que são assoviados na esquina, cantados até hoje nos blocos e salões, imunes ao passar do tempo […] Outros desfiles renderam imagens que até hoje estão gravadas na retina do grande público, lembradas mesmo fora do ambiente carnavalesco”, escreveu Leonardo Bruno, em artigo publicado no jornal

Continue lendo no Observatório da Imprensa.