Historiador diz que posto de pior presidente dos EUA tem dono

Foto: Tasos Katopodis/Getty Images

Antes mesmo da divulgação dos primeiros resultados das eleições presidenciais nos Estados Unidos, Donald Trump já acusava o sistema eleitoral de fraudes e esbravejava contra a votação em massa pelo correio, motivada pela pandemia de coronavírus. Desde que seu adversário Joe Biden foi confirmado como o vencedor, as denúncias sem provas se tornaram ainda mais frequentes, aumentando os temores de que suas insinuações possam enfraquecer a confiança da população nas instituições americanas.

“As acusações de Trump são sem precedentes na história do país e minam a legitimidade do processo eleitoral, que é fundamental para a capacidade de governar”, diz James Kloppenberg, professor de História Americana da Universidade Harvard. “A recusa do atual presidente em admitir que pode haver outras formas de pensar além da sua, além de seus constantes ataques à imprensa, são um grande desafio para a continuidade da democracia”.

O especialista critica ainda a

Continue lendo no Blog da Cidadania.