A cada cem prefeitos eleitos este ano, 12 foram mulheres

O avanço das mulheres na política brasileira tem sido contínuo – mas muito lento. Em 2012, houve 659 prefeitas eleitas – 11,84% do total de ocupantes do Executivo. Em 2016, o número diminuiu para 641 – 11,5%. Este ano, 650 mulheres já foram eleitas  – 12,1% do total – e em 19 cidades há mulheres disputando o segundo turno. Concorreram na eleição para o Executivo 2.529 mulheres, que representavam 13,5% do total de postulantes. 

window.uolads && window.uolads.push({ id: “banner-300×250-area” });

O Nordeste concentra quase a metade das prefeitas eleitas no Brasil – 300 no total. Já o Centro-Oeste teve 52 mulheres eleitas. Das sete capitais que decidiram a eleição no primeiro turno, só uma é mulher: Cinthia Ribeiro (PSDB), de Palmas, foi reeleita para o cargo que assumiu em abril de 2018, após a renúncia do então prefeito Carlos Amastha (PSB). 

Das 19 cidades que terão mulheres

Continue lendo na Revista Piauí.