Eleições na Bolívia: país tenta resgatar democracia e soberania do voto popular após golpe contra Evo Morales

Ex-chefes de Estado responsabilizam OEA pelo golpe de 2019 e pedem respeito às eleições na Bolívia. Luis Arce, do Movimento ao Socialismo (MAS) é favorito

Continue lendo no Brasil 247.