Jornalistas e precarização do trabalho: sofrimento diante de um importante papel social

(Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados)

“O jornalismo é o sistema imunológico da sociedade”. A comparação, feita no último dia 22 pela diretora do Stanford Health Communication Initiative, Seema Yasmin em entrevista para o Estadão, é pertinente, pois aponta o importante papel que tem o jornalismo de agir como um sistema de defesa contra a desinformação, desmentindo “notícias” falsas e avisando quando algo não vai bem. É uma função importantíssima, e que ficou muito evidente durante a cobertura da pandemia de COVID-19, para a qual jornalistas se desdobraram em aprender sobre saúde e ciência para poderem informar e educar o público sobre esses temas. Para a ombudsman da Folha de S. Paulo, Flavia Lima, a imprensa mais acertou do que errou na cobertura da pandemia, repassando aos leitores informações

Continue lendo no Observatório da Imprensa.