MP recusa proposta e vai denunciar 8 pessoas por incêndio no CT do Flamengo

O MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) anunciou nesta 2ª feira (29.jun.2020) que vai denunciar 8 pessoas pelo incêndio no Ninho do Urubu, ocorrido em 8 de fevereiro de 2019, no Rio de Janeiro. A tragédia resultou na morte de 10 jogadores das categorias de base do Flamengo, além de ferir outros 3.

Eis a íntegra (176 KB) do parecer do órgão.

Entre os que serão denunciados estará o ex-presidente do Flamengo Eduardo Bandeira de Mello. Também devem ser acusados dirigentes e funcionários do clube, além de prestadores de serviço que têm a função de zelar pela segurança dos ambientes de treinamento e os de descanso.

Receba a newsletter do Poder360
todos os dias no seu e-mail

No documento, de 5 páginas, o MP-RJ aponta que “não restam dúvidas, diante das provas produzidas em sede policial, que houve uma série de condutas imprudentes e negligentes, por ação e omissão, em tese praticadas pelos indiciados,


Continue lendo no Poder 360.