Restrição a voos do Brasil para EUA é resultado de resposta trágica de Bolsonaro à Covid

A restrição aos voos do Brasil para os Estados Unidos era uma decisão que vinha sendo anunciada fazia tempo pelo presidente Donald Trump. Ele já havia comentado a situação de descontrole da pandemia no Brasil.

Do ponto de vista sanitário, a medida de Trump faz sentido no momento em que a Organização Mundial de Saúde diz que o epicentro da pandemia está agora na América Latina e que o Brasil é o país mais preocupante.

Política e eleitoralmente, Trump precisava tomar uma medida para proteger a população da Flórida, Estado mais visitado pelos brasileiros. A disputa entre Trump e Joe Biden está apertada na Flórida, visto como um Estado decisivo para obter maioria no Colégio Eleitoral.

Logo, os motivos eleitorais se uniram aos sanitários para barrar a entrada de brasileiros no país em geral e na Flórida em particular. Haverá eleições nos EUA em 3 de novembro.

Para o Brasil,

Continue lendo no Blog do Kennedy.