Áudios comprovam que pastor assumiu área sensível da Funai para converter índios isolados

Uma conversa gravada entregue ao Intercept por uma fonte que pediu para não ser identificada revela que missionários evangélicos trabalharam pela nomeação de alguém com o perfil do pastor Ricardo Lopes Dias para a área que cuida de índios isolados da Funai. O áudio mostra também que o objetivo do grupo é converter os indígenas ao cristianismo.

No áudio, o antropólogo e evangélico Edward Mantoanelli Luz diz o seguinte:

Mantoanelli Luz assume na conversa que fez lobby para que alguém alinhado com sua religião assumisse a Coordenação Geral de Índios Isolados e de Recente Contato da Funai. A política que ele diz que irá “formalmente mudar” é a que impede a ação de missionários em terras de indígenas isolados, em respeito ao princípio de autodeterminação dos povos – previsto na Constituição.

Na prática, a política vigente nas últimas décadas impedia

Continue lendo no The Intercept.