Oi promove demissões em massa no Rio

Recebemos agora há pouco da Sinttel-Rio:

CRISE DA OI LEVA À DEMISSÃO DE MAIS DE 700 TRABALHADORES DA SEREDE

O ano começa com demissão, no Rio de Janeiro, de 700 trabalhadores da Serede, prestadora de serviço da Oi. Os cortes atingiram indiscriminadamente os trabalhadores da empresa, principalmente na área de manutenção de rede de telecomunicações e têm impacto direto no atendimento à população.

As demissões são reflexo da crise na Oi e representam praticamente 10% dos trabalhadores da Serede. Além do Rio de Janeiro, está prevista a dispensa de trabalhadores em outros estados. Entre os que perderam o emprego, estão pessoas contratadas há menos de dois meses e que se endividaram em financiamentos de veículos por exigência para a contratação.

Ao longo de 2019, já haviam sido demitidos cerca de 1.000 funcionários da Serede. Dessa vez, as demissões foram em massa. Apesar da reforma trabalhista do Governo Temer ter alterado


Continue lendo no O Cafezinho.