Lava Jato já não mete medo, mas expõe desfaçatez

Enganou-se quem imaginou que o pior já havia passado. A corrupção no Brasil atinge o seu ponto mais alto. Desapareceu até a disposição da instância máxima do Judiciário de combater a roubalheira. Num instante em que a maioria do Supremo opera para beneficiar condenados de grife, a Lava Jato deflagra sua operação de número 69: Mapa da Mina.

Sem a possibilidade de prisão após condenação na segunda instância, a Lava Jato já não mete tanto medo. Mas operações como a deflagrada nesta terça-feira servem para demonstrar que não é por falta de material que o aparato anticorrupção está sendo desmontado. Aos pouquinhos vai ficando claro que o grande erro da evolução da humanidade é a desfaçatez não doer. (veja o comentário abaixo)

Continue lendo no Blog do Josias.