Fernández e Bolsonaro dão sinais de busca de trégua

Os presidentes da Argentina, Alberto Fernández, e do Brasil, deram hoje sinais de busca de uma trégua.

De forma madura, Fernández disse em seu discurso de posse que a relação da Argentina com o Brasil vai “além de qualquer diferença pessoal ou ideológica dos que governam na conjuntura”. Ele está certo.

Aqui no Brasil, Bolsonaro evitou fazer críticas ao argentino e disse que o Brasil tem interesse em fazer comércio com o mundo todo. Obviamente, a relação com a Argentina vai além da questão comercial, mas já é um avanço para um governo que tem adotado uma política externa desastrosa.

A recuperação econômica da Argentina interessa diretamente ao Brasil e vice-versa. Os dois países precisam jogar juntos, por exemplo, para tocar adiante o acordo entre o Mercosul e a União Europeia.

O Brasil criou problemas demais devido ao descaso com o meio ambiente e a questão indígena. A última coisa que

Continue lendo no Blog do Kennedy.