Maia alfineta Bolsonaro ao visitar Alberto Fernández

É simbólico que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), tenha sido a primeira autoridade brasileira a visitar o presidente eleito da Argentina, Alberto Fernández.

Faz parte da estratégia de se diferenciar no campo conservador como uma alternativa mais moderada do que o extremismo de direita de Jair Bolsonaro. É um movimento inteligente para quem pode se apresentar como candidato a presidente em 2022.

Maia fez bem ao mandar mensagem explícita ao governo Bolsonaro, que tem uma política externa desastrosa. A forma como o Itamaraty trata o novo governo argentino é amadora.

O presidente da Câmara visitou a Argentina e deu o recado nas redes sociais. Ele disse: “A Argentina é o parceiro mais importante do nosso país. E, portanto, Argentina e Brasil são mais fortes quando estão juntos. A nossa visita hoje veio consolidar ainda mais esta parceria”.

Bolsonaro e o ministro Ernesto Araújo (Relações Exteriores) poderiam ter dormido

Continue lendo no Blog do Kennedy.