Bancada do PT pede ação contra PM em caso Paraisópolis

Agência Câmara

Parlamentares da Bancada do PT na Câmara dos Deputados, que foram eleitos pelo estado de São Paulo, criticaram a ação policial na Comunidade de Paraisópolis e exigem explicações da ação truculenta daqueles que deveriam estar protegendo o cidadão. A ação violenta da Polícia Militar de São Paulo, em um baile funk em Paraisópolis, zona sul da capital paulista, resultou em ao menos nove pessoas mortas pisoteadas, no último domingo (1º).

“Meu profundo pesar às famílias de Paraisópolis que perderam seus filhos na desastrada operação policial. Vou ao Ministério Público pedir providências em relação a punir os responsáveis e evitar novas tragédias. Para que nunca mais aconteça o que aconteceu em Paraisópolis”, afirmou o deputado Paulo Teixeira (PT-SP).

O deputado Carlos Zarattini (PT-SP) também lamentou a morte dos nove jovens e questionou até quando os jovens da periferia serão tratados como bandidos. “Contra pobre é assim. Lamento a morte

Continue lendo no Eduardo Guimarães.