Mudança do Coaf para BC pode atrapalhar autonomia do Banco Central

A transferência do antigo Coaf para o BC pode prejudicar o projeto de autonomia do Banco Central, assunto em análise no Congresso Nacional e promessa do ministro da Economia, Paulo Guedes, que não saiu do papel.

O Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) virou UIF (Unidade de Inteligência Financeira). Manchete do jornal “O Globo” mostrou que a medida provisória que transferiu o antigo Coaf para o âmbito do BC permite indicações políticas, exatamente o que desejam Bolsonaro e parte dos parlamentares.

O corpo técnico do BC entende que a aprovação da autonomia do Banco Central acabaria deixando essa possível interferência política sem efeito, tudo o que Bolsonaro e congressistas não querem. Perderia força no Congresso a ideia de autonomia do BC.

O Coaf funcionou bem durante anos na Fazenda. Sergio Moro virou ministro da Justiça e quis aparelhar a instituição, colocando no comando Roberto Leonel, o mesmo personagem que

Continue lendo no Blog do Kennedy.