Bolsonaro chama comunistas de “cocô” e promete “varrer turma vermelha” do Brasil

Por Rodrigo Constantino | Gazeta do Povo

O presidente Jair Bolsonaro esteve na cidade de Parnaíba, no Piauí, nesta quarta-feira (14), onde inaugurou uma escola militar do Serviço Social do Comércio (Sesc) que recebeu seu nome. Em discurso, o presidente afirmou que vai “acabar com o cocô do Brasil” e disse que esse cocô seria “essa raça de corruptos e comunistas.”

Aos gritos de “mito”, Bolsonaro ainda afirmou que pretende acabar com o que chamou de turma vermelha, referindo-se aos comunistas. “Nas próximas eleições, nós vamos varrer essa turma vermelha do Brasil. Já que na Venezuela está bom, vou mandar essa cambada para lá. Quem quiser um pouco mais para o Norte, vai até Cuba.”

Os bolsonaristas foram ao delírio! É o presidente dando a ração diária do gado, alimentando sua militância engajada nas redes sociais. Teve até carola elogiando o “retorno da masculinidade” do presidente, que pelo visto


Continue lendo no Blog do Rodrigo Constantino.