Moro deveria se afastar do cargo, diz presidente da comissão da Previdência

Presidente da Comissão Especial sobre a reforma da Previdência, o deputado Marcelo Ramos (PL-AM) avalia que Sergio Moro deveria deixar o cargo de ministro da Justiça para se dedicar ao caso do vazamento de suas conversas eletrônicas com o procurador Deltan Dellagnol. “O juiz Sergio Moro aconselharia o ministro Moro a se afastar do cargo para responder”, disse o deputado ao blog.

Nas palavras de Marcelo Ramos, “tudo o que cria ambiente um conturbado cria problemas” para a tramitação da reforma previdenciária. “Mas nós temos o objetivo de blindar a proposta”, ele acrescentou. “O calendário da comissão está mantido.” O objetivo é aprovar a proposta ainda no primeiro semestre.

Nesta terça-feira, o deputado se reunirá com os partidos de oposição. Tentará firmar um “acordo de procedimentos” para evitar obstruções na fase de encerramento dos trabalhos da comissão. Deseja assegurar à minoria espaço para se manifestar durante o processo de

Continue lendo no Blog do Josias.